Válvula

António Jorge Gonçalves convida LBC Soldjah

artes, música
1 outubro a 24 outubro 2021
sáb: 16h30; dom: 16h30
LU.CA - Teatro Luís de Camões
Válvula

Um espetáculo que parte da história do graffiti para nos levar numa viagem com várias perguntas: Por que riscamos as paredes de maneira informal desde há milhares de anos? São esses traços transgressão ou arte? Comunicação ou ocupação? Pode a desobediência ser legítima?

O desenhador António Jorge Gonçalves convida o MC e ativista Flávio Almada (LBC Soldjah) para juntos arriscarem respostas.

Nesta performance, meio palestra, meio concerto de rap/hip hop, o desenho digital, a música e as palavras guiam-nos pelos riscos que caçadores recoletores fizeram nas rochas há 30 mil anos, pelas anotações desenhadas que romanos fizeram nas paredes em Pompeia e pelos murais políticos de há 100 anos, para compreendermos as pinturas a spray que enchem os muros das cidades.

Maiores de 12 anos.

No fim de cada apresentação há uma conversa com os artistas para trocar ideias e fazer perguntas.

Famílias
1 outubro: 18h30, 2, 3, 9, 10, 23 e 24 outubro: 16h30

Escolas
6, 7, 8, 21 e 22 outubro: 10h30

Sessões com Língua Gestual Portuguesa
8 outubro: 10h30; 9 outubro: 16h30

Sessão descontraída
10 outubro: 16h30


Ficha técnica:

Criação: António Jorge Gonçalves e Flávio Almada; interpretação: António Jorge Gonçalves (palavras e desenho digital), LBC Soldjah (palavras e música); Direção e produção musical: RAS M, DJ ERRY G.


3 € - menores de 18 anos
7 € - maiores de 18 anos

Local: