Catarina e a beleza de matar fascistas

Tiago Rodrigues

teatro
19 abril a 26 abril 2021
seg: 19h; ter: 19h; qua: 19h; qui: 19h; sex: 19h; sáb: 10h; dom: 10h
Teatro Nacional D. Maria II
Catarina e a beleza de matar fascistas

Esta família mata fascistas. É uma tradição antiga que cada membro da família sempre seguiu. Hoje, reúnem-se numa casa no campo, no Sul de Portugal, perto da aldeia de Baleizão. Uma das jovens da família, Catarina, vai matar o seu primeiro fascista, raptado de propósito para o efeito. É um dia de festa, de beleza e de morte. No entanto, Catarina é incapaz de matar ou recusa-se a fazê-lo. Estala o conflito familiar, acompanhado de várias questões…

Ler entrevista a Tiago Rodrigues aqui.

Sessão com interpretação em Língua Gestual Portuguesa e Audiodescrição:
25 abril, domingo, às 10h


Ficha técnica:

TNDM II. Tiago Rodrigues, texto e encenação; António Fonseca, Beatriz Maia, Isabel Abreu, Marco Mendonça, Pedro Gil, Romeu Costa, Rui M. Silva e Sara Barros Leitão, interpretação.

Local: