Jimmie Durham

Acha que Minto?

artes
7 junho a 30 agosto 2019
vários horários
Fidelidade Chiado 8 - Arte Contemporânea
Jimmie Durham

O artista plástico norte-americano Jimmie Durham tem-se destacado como escultor, ensaísta e poeta. Vive e trabalha na Europa desde 1994, e foi recentemente premiado com o Leão de Ouro de carreira na La Biennale di Venezia.

A exposição Acha que minto? que apresenta no projeto Reação em Cadeia, retoma a exposição intitulada História Concisa de Portugal que o artista apresentou em 1995, na Galeria Módulo. Uma das primeiras exposições depois de se mudar definitivamente para a Europa, em 1994, esta foi a primeira presença do seu trabalho em Portugal e que viria a ser central no seu percurso.

Inspiradas na obra O Ano da Morte de Ricardo Reis, de José Saramago (que Durham considera um livro de referência para si próprio e para a história do século XX), as obras incluem citações do texto que, dactilografadas ou manuscritas, integram individualmente cada uma das peças, não se constituindo, no entanto, como metáforas ou ilustrações.

Para além das peças de 1995, o artista apresenta uma obra sonora, (SONG NC SHARP, 2006), que passou um longo período sem ser mostrada, e uma peça nova. A primeira regista o som de vidros a quebrarem, copos atirados contra o chão ou a parede pela mão do próprio artista; a segunda é uma escultura especificamente concebida para este projeto, que inclui pedras semipreciosas colecionadas por Durham ao longo dos anos.

No seu conjunto, estas obras retomam as temáticas que o artista tem vindo a desenvolver: a quebra, o estilhaçar do mundo e, simultaneamente, o seu encantamento assente no acidente, e as políticas de representação identitária.

Segunda a sexta, das 12h às 20h


Local: