Eugénia Reigadas

Uma nova primavera

artes
9 abril a 19 maio 2021
vários horários
Galeria Arte Periférica
Eugénia Reigadas

Há vinte anos que Eugénia Reigadas não pintava. A sua última exposição teve lugar em 1998, na galeria Arte Periférica, fundada pelo filho e pela nora. O curso de pintura, desenho e história de arte que frequentou na Sociedade Nacional de Belas Artes para preencher o vazio que a emancipação dos filhos tinha deixado, cedeu lugar a um novo plano, o de dar apoio ao projeto da Arte Periférica. A dedicação plena com que investe em cada etapa impediu que a pintura tivesse lugar. As horas do dia não chegavam para responder a tudo, mas as memórias, as vivências e os afetos iam encaixando, como peças de um puzzle.
As novas pinturas a óleo de Eugénia Reigadas, iniciadas em 2018 e até 2021, não traçam uma linha de continuidade com as pinturas apresentadas em 1998, em técnica e em motivo. Se em 1998 Eugénia favorecia o uso da espátula e raramente revelava um tema, apesar de sentirmos quase sempre o elemento água presente, as pinturas recentes assumem-se como um hino naïve à natureza, à fertilidade e ao telúrico.

Segunda a domingo, das 10h às 19h


Local:

Centro Cultural de Belém, Praça do Império 3 213 617 100 www.arteperiferica.pt