Quartos

Enda Walsh/ Artistas Unidos

teatro
30 setembro a 7 novembro 2020
ter: 19h, 20h, 21h; qua: 19h, 20h, 21h; qui: 21h; sex: 21h; sáb: 16h, 17h, 18h, 19h, 20h, 21h
Teatro da Politécnica
Quartos

A partir de Quarto 303 de 2012, Enda Walsh tem vindo a escrever vários Quartos apresentados como instalações teatrais quer no Festival de Galway quer em Nova Iorque. Apresentamo-los agora aqui, neste pós-confinamento,  A mesma palavra luxuriante, herdeira de Beckett ou Joyce, a mesma claustrofobia (como em Acamarrados ou A Farsa da Rua W), um mundo pobre de onde não se consegue escapar, E, no entanto, há quem se tenha escapado. Um autor maior, um teatro singular.
Jorge Silva Melo

Ficha técnica:

Artistas Unidos. Enda Walsh, texto; Jorge Silva Melo, encenação; Américo Silva e Vânia Rodrigues, interpretação.


10 € - normal (ver descontos)
6 € - dia do espectador (terça-feira)

Local: