Este evento já ocorreu.

As Estreias da Semana

A partir de 21 de novembro

cinema
21 novembro a 27 novembro 2019
As Estreias da Semana

Dois filmes portugueses, o último de Ken Loach, o realizador de I Daniel Blake, e a sequela de Frozen são os grandes destaques da semana. E como quinta-feira é dia de estreias no cinema, aqui ficam os filmes que vão estar nas salas de Lisboa de 21 a 27 de novembro:

Turno do Dia

De Pedro Florêncio

POR, 2018, Cores, 127 min.

A primeira longa-metragem de Pedro Florêncio teve estreia em 2018 no DocLisboa. O filme dá a conhecer o dia a dia na central de emergência médica 112: os rostos, os gesto e procedimentos daqueles que ali trabalham. Os pedidos de socorro não param é à distância é preciso dar todas informação enquanto uma equipa médica não chega ao local. Este trabalho resulta de uma experiência observacional que pretende transmitir a sensação real da experiência de uma certa atividade laboral, num certo lugar, num certo tempo. Destaca, segundo o realizador, “um aspeto fisiológico que se tentou ter em conta: o cansaço e a sua representação/sensação cinematográfica”. O filme estreia no Cinema City Alvalade.

Tristeza e Alegria na Vida das Girafas

De Tiago Guedes, com Gonçalo Waddington, Miguel Guilherme, Miguel Borges, Maria Abreu

POR, 2019, Cores, 109 min. | M/14 anos

Tiago Guedes adapta ao cinema a peça homónima de Tiago Rodrigues. A história centra-se numa menina que pede auxílio à única pessoa que julga poder ajudá-la: o primeiro-ministro. Resolve assim ir ao seu encontro, aventurando-se pela cidade de Lisboa. Da incursão pela capital fazem parte a crise económica, um urso de peluche com tendências suicidas chamado Judy Garland, o Discovery Channel, uma pantera negra e o dramaturgo russo Anton Tchekhov. O filme teve antestreia no IndieLisboa 2019 e conta com banda sonora original de Manel Cruz, ex-Ornatos Violeta, atualmente membro dos grupos Pluto e Supernada, e com um projeto a solo designado Foge Foge Bandido.

Até à Morte

De Ivan Kavanagh, com Emile Hirsch, John Cusack, Déborah François

BEL/LUX/GB/IRL/FRA, 2019, Cores, 100 min. | M/16

Uma cidade fronteiriça transforma-se num lugar violento quando o fora da lei Dutch Albert e o seu gangue chegam e começam a matar quem ouse enfrentá-los. O coveiro local, Patrick Tate, é confrontado diariamente com a morte de cidadãos inocentes, sentido-se cada vez mais revoltado. Isto leva-o a questionar se deve continuar a receber dinheiro sujo para enterrar as vítimas destes homicidas, ou fazer algo em relação às ameaças que ele e a sua família enfrentam. Um western do realizador irlandês, Ivan Kavanagh.

Frozen II – O Reino do Gelo

De Chris Buck, Jennifer Lee, com (vozes) Kristen Bell, Jonathan Groff, Evan Rachel Wood

EUA, 2019, Cores, 103 min. | M/6 anos

Passados  três anos dos eventos do primeiro filme Frozen, Anna, Elsa, Kristoff, Olaf e Sven viajam para uma terra encantada em busca de respostas. O objetivo é descobrirem a origem dos poderes de Elsa e consequentemente salvarem o próprio reino. O filme é dos mesmos realizadores de Frozen, que para esta história se basearam no conto A Rainha da Neve, de Hans Christian Andersen.

Os Caloiros de Medicina

De Thomas Lilti, com Vincent Lacoste, William Lebghil, Michel Lerousseau

FRA, 2018, Cores, 92 min. | M/12 anos

Uma comédia dramática que acompanha a amizade entre Antoine, repetente do primeiro ano de medicina pela terceira vez, e Benjamin, caloiro no mesmo curso. Um retrato da pressão académica vivida por muitos estudantes.

Passámos por Cá

De Ken Loach, com Kris Hitchen, Debbie Honeywood, Nikki Marshall
GB/FRA/BEL, 2019, Cores, 101 min. | M/14

Drama que retrata a luta de uma família contra as dificuldades financeiras depois do colapso financeiro de 2008. O pai de família, Ricky, tem a oportunidade de recuperar alguma independência com uma furgoneta nova e a possibilidade de ter o seu franchise como motorista de entregas por conta própria. Contudo acaba por trabalhar quase ininterruptamente. A mulher é cuidadora, um emprego também muito exigente. As dívidas, o excesso de trabalho e o cansaço transformam-se em desespero e a pressão sobre a família é cada vez maior. Um filme de Ken Loach, realizador independente inglês, cuja obra se debruça sobre os problemas sociais e a pobreza. Dois dos seus filmes, The Wind That Shakes the Barley (2006) e I, Daniel Blake (2016) receberam a Palma de Ouro no Festival de Cinema de Cannes.

Perigo Iminente

De Kriv Stenders, de Travis Fimmel, Richard Roxburgh, Luke Bracey, Nicholas Hamilton

Austrália, 2019, Cores, 118 min. | M/14

O realizador Kriv Stenders transpõe para o grande ecrã a batalha de Long Tan, onde as forças australianas e neozelandesas enfrentaram as tropas vietnamitas, no Vietname, em 1966. O filme dá a conhecer a história de 108 jovens, soldados australianos e neozelandeses, que sob chuvas torrenciais, praticamente enterrados na lama, tiveram de lutar pela sobrevivência numa plantação de borracha em Long Tan. A força inimiga era formada por 2500 soldados vietcongues e norte-vietnamitas.