Fé, caridade e esperança

Fé, caridade e esperança

Festas de Lisboa'17

Teatro › Espetáculos
1 jun a 2 jul/17

Maria Matos Teatro Municipal. Ödön von Horváth, texto; Tónan Quito, encenação; Carla Galvão, Filipa Matta, Marco Mendonça, Miguel Loureiro, Tónan Quito, Grupo de Interpretação Criativa, Gesto – Grupo de Teatro e Grupo de Teatro – Pano Cru, interpretação.

Quando em 2012 Tónan Quito levou à cena Histórias dos Bosques de Viena, Ödön von Horváth (1901-1938) era um dramaturgo pouco conhecido do público português – não obstante uma encenação tida como “magnífica” (por quem teve o privilégio de a ver!) de Casimiro e Carolina pelo Teatro da Cornucópia, parcos anos depois da Revolução de Abril. Recentemente, Horváth tornou-se um autor representado com regular assiduidade nos nossos palcos (a exemplo, só a Companhia de Teatro da Almada levou ao palco, desde 2013, as peças Em direção aos céus e, há poucos meses, a tão inquietante Noite da Liberdade, sobre o confronto entre sociais-democratas e nazis, na Baviera de 1930).

O recente interesse pela obra do autor austríaco parece estar correntemente justificado, ou não fosse o seu teatro um espelho de época ensombrado pela ascensão do nazi-fascismo em que assustadoramente nos revimos, 80 anos depois. Se todas as tragédias de Horváth são, de facto, “comédias”, Tónan Quito visita agora uma delas, datada de 1932, e onde encontramos “uma sociedade cínica, mesquinha e egoísta, sempre pronta a desumanizar-se,” que emerge para julgar uma mulher desesperada por sobreviver. Para isso, juntou ao elenco profissional três grupos de teatro amador que, em locais diferentes, se desafiam a “reescrever algumas cenas, apropriando-se de situações da peça para falar sobre a nossa sociedade contemporânea.” FB
 

  • Grupo de Interpretação Criativa
  • Sociedade de Instrução Guilherme Cossoul (Av. D. Carlos I, 61, Santos)
  • 1 a 3 de junho, às 21h30
  • 4 de junho, às 18h30
  •  
  • Gesto – grupo de teatro
  • Auditório Fernando Pessa (Espaço Municipal da Flamenga, Chelas)
  • 15 a 17 de junho, às 21h30
  • 18 de junho, às 18h30
  •  
  • Grupo de Teatro – Pano Cru
  • A Promotora (Largo do Calvário, Alcântara)
  • 29 de junho a 1 de julho, às 21h30
  • 2 de julho, às 18h30

Informações Úteis

Preços: 6€ a 12€ 

Local

Avenida D. Carlos I, 61-1º
1200-647 Lisboa
Espaço Municipal da Flamenga, Rua Ferreira de Castro
1900-697 Lisboa
Largo das Fontainhas, Porta 19
Alcântara
1300-255 Lisboa

Formulário de procura

Continuam

Portugal em Revista

Teatro › Espetáculos
Estreia 14 set/17

Clubes de Teatro 2018

Teatro › Cursos/Encontros
Inscrições abertas

Expressão Dramática

Teatro › Cursos/Encontros
Inscrições abertas