Ciclo de Filmes Pianomania!

Ciclo de Filmes Pianomania!

Cinema › Ciclos
  • "Thirty-Two Short Films About Glenn Gould" de François Girard 
  • "O Pianista" de Roman Polanski 
  • Zhu Xiao Mei © Martin Jehnichen - Accentus Music 
  • "O Piano" de Jane Campion 

A complementar a programação dos concertos programados no Ciclo Pianomanioa!, são exibidos filmes e documentários cujo tema central é o piano e o intérprete. Do premiado O Pianista (Roman Polanski), ao vencedor da Palma de Ouro, O Piano (Jane campion), às curtas-metragens sobre Glenn Gould e Zhu Xiao-Mei, não faltam razões para conhecer um instrumento de um potencial e versatilidade quase infindáveis.

13 janeiro: 16h
Thirty-Two Short Films About Glenn Gould
De François Girard
Ficção, 1993, 93 mn
Glenn Gould é um pianista internacionalmente reconhecido por ser um génio com um talento ofuscante e uma busca incessante pela perfeição. No filme Thirty-Two Short Films About Glenn Gould, o realizador François Girard aprofunda as principais ideias de Glenn Gould assim como explora as suas paixões e a sua música. O filme é construído em 32 partes que descrevem a vida de Glenn Gould desde a sua infância até aos 50 anos de idade, momento em que o pianista nos deixou. Cada uma das partes do filme encena uma variação do tema de Glenn Gould, apresentando os diversos aspetos da sua vida, entre os quais o artístico, o financeiro, o humorístico, ao amante da natureza, aos solitário e ao iconoclasta – sendo o resultado desta exploração um mosaico impressionista do seu génio. Thirty-Two Short Films About Glenn Gould foi estreado em 1993 e conquistou quarto prémios Genie da Academia Canadiana de Cinema e Televisão, incluindo os prémios de Melhor Filme e Melhor Realizador, tendo recebido ainda uma menção especial no Festival Internacional de Toronto no mesmo ano. 

15 janeiro: 18h
O Pianista
De Roman Polanski
Ficção, 2002, 160m
O pianista polaco Wladyslaw Szpilman (Adrien Brody) interpretava peças clássicas numa rádio de Varsóvia quando as primeiras bombas caíram sobre a cidade, em 1939. Com a invasão alemã e o início da 2ª Guerra Mundial, começaram também restrições aos judeus polacos pelos nazis. Inspirado nas memórias do pianista, o filme mostra o surgimento do Gueto de Varsóvia, quando os alemães construíram muros para encerrar os judeus em áreas específicas e acompanha a perseguição que levou à captura e envio da família de Szpilman para os campos de concentração. Wladyslaw é o único que consegue fugir e é obrigado refugiar-se em prédios abandonados espalhados pela cidade, até que o pesadelo da guerra acabe.

21 janeiro: 15h-16h
Zhu Xiao-Mei: How Bach Defeated Mao
De Paul Smaczny
Documentário, 2016, 58 mn
A música, especialmente a música de Bach, tornou possível a Zhu Xiao-Mei lidar com os piores desafios da sua existência. A pianista sofreu na pele as consequências do regime de Mao e da revolução Cultural: anos de endoutrinação e “reeducação”, cinco anos confinados a trabalho de campo, família devastada, privações e perseguições. Em 1980, a pianista emigra finalmente para Paris, que se torna a sua nova casa. O filme narra a história do seu regresso à China quando já é reconhecida internacionalmente pela sua interpretação da obra de Bach, 35 anos depois de deixar o seu país. A decisão de voltar à China não foi fácil para Zhu Xiao-Mei. As feridas causadas por Mao com a Revolução Cultural eram demasiado profundas. Como a sua família era considerada “burguesa” e contrarrevolucionária, a pianista tornou-se vítima de denúncias públicas e testemunhou a destruição de partituras musicais e à humilhação profunda dos seus professores, tendo alguns deles acabo por se suicidar. Passados 50 anos da Revolução Cultural, com salas de concerto esgotadas, a pianista realiza uma digressão numa China transformada. A escola de música deixou de ser um porto da contrarrevolução e saber tocar um instrumento já não é sinónimo de burguesia ocidental. Pelo contrário, ter um piano é um símbolo de um estatuto ao qual todos aspiram. E no entanto o capítulo negro da revolução Cultural permanece irresoluto. Lutando contra a destruição e a falta de consciência, Zhu Xiao-Mei levanta esta questão que ainda hoje faz sofrer a sociedade chinesa. 

22 janeiro: 18h
O Piano
De Jane Campion
Ficção, 1993, 120 mn
Na época vitoriana e nos primeiros tempos da colonização da Nova Zelândia, Ada McGrath (Holly Hunter), uma mulher que quando tinha seis anos de idade resolveu parar de falar muda-se para esse novo país na companhia de sua filha, Flora (Anna Paquin). O motivo prende-se com um casamento arranjado com Stewart (Sam Neill), que ela nem conhecia. Ada imediatamente antipatiza com Stewart quando ele se recusa a transportar seu amado piano para casa. Stewart negocia o instrumento e passa-o para George Baines (Harvey Keitel), um administrador da região. Atraído por Ada, Baines concorda em devolver o piano em troca de algumas lições no instrumento, que Ada daria para ele. Mas estas "aulas" tornam-se encontros sexuais cada vez mais intensos, onde Baines pagava Ada com uma ou mais teclas do piano, sendo que o pagamento estava relacionado à intensidade de intimidade proporcionada. Porém, logo esta situação sai do controle, gerando trágicas consequências.

Local

Avenida de Berna, 45 A
1067-001 Lisboa

Relacionado

Pianomania!

O encanto do piano

Pianomania! - Programação Paralela

Música › Espetáculos
Avenida de Berna, 45 A
1067-001 Lisboa

Formulário de procura

Continuam

Enquadramentos

Cinema › Cursos / Encontros
3º sáb do mês: 10h

Cursos de cinema e televisão

Cinema › Cursos / Encontros

Do Outro Lado do Espelho

Cinema › Ciclos
Até 6 fev/18