150 milhões de escravos

150 milhões de escravos

Teatro › Espetáculos
11 a 28 jan/18

Quarta a sábado às 21h30 | domingo às 16h30 

Teatro da Terra/ Teatro da Trindade INATEL. A partir de Em Homenagem aos nossos empregados de Mickael de Oliveira, A Gaivota de Antón Tchékhov e Esteiros de Soeiro Pereira Gomes. Maria João Luís, encenação; Beatriz Godinho, ​Catarina Rôlo Salgueiro, Emanuel Arada, Ivo Alexandre, João Saboga, José Leite, Hélder Agapito, Lígia Soares e Teresa Sobral, interpretação.
 

O número esmagador do título do novo espetáculo de Maria João Luís remete para dados recentes da Amnistia Internacional quanto a menores vítimas de trabalho infantil. Mais concretamente, estimam-se ser 152 milhões aqueles que, a partir de Em Homenagem aos nossos Empregados de Mickael de Oliveira, A Gaivota de Tchékhov e, sobretudo, Esteiros de Soeiro Pereira Gomes, são evocados em mais um capítulo da jornada do Teatro da Terra (companhia dirigida pela encenadora e sediada em Ponte de Sôr, no Alto Alentejo) pelo neorrealismo português, depois de O Cravo Espanhol de Romeu Correia e Finisterra de Carlos de Oliveira.

Se, em Esteiros, Soeiro dedicava o livro “aos filhos dos homens que nunca foram meninos”, aqui Maria João Luís procura saber quem são esses “filhos”, por isso, a peça “pretende trazer esta obra para a contemporaneidade, transportando as crianças trabalhadoras dos telhais e jovens operários para os dias de hoje.” FB
 

Local

Largo da Trindade, 7 A
1200-466 Lisboa

Relacionado

Esta noite representa-se ‘Esteiros’

‘150 Milhões de Escravos’ no Teatro da Trindade

Formulário de procura

Lisboa Cidade Triste e Alegre

Continuam

Amélia

Artes › Exposições › Bibliográfica / Documental
Teatro
2 mar a 30 set/18

Ñaque

Teatro › Espetáculos
15 mar a 27 mai/18

Oficina de Teatro Sénior

Teatro › Cursos/Encontros
3 abr a 26 jun/18